Em Portugal, o jogo de azar é regulamentado pelo Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos (SRIJ). Dentre as normas estabelecidas por este órgão, estão as regras para a admissão de jogadores em cassinos e outros estabelecimentos que oferecem jogos de azar no país.

Atualmente, a idade mínima para jogar em cassinos em Portugal é de 18 anos. Aqueles que possuem idade inferior a essa não são permitidos a entrar em estabelecimentos que possuem jogos de azar, mesmo que acompanhados de um adulto responsável.

Esta regulamentação é importante para a proteção dos jovens e adolescentes, uma vez que o jogo de azar pode ser considerado uma atividade que envolve riscos financeiros e psicológicos. Além disso, a proibição do acesso a estabelecimentos que oferecem jogos de azar evita que eles sejam expostos à criminalidade e outras atividades ilegais que podem estar associadas a esses locais.

Em Portugal, a regulamentação em torno do jogo de azar e da idade mínima para jogar é levada a sério. É comum encontrar seguranças nas portas dos cassinos e outros estabelecimentos que oferecem jogos de azar, que fazem questão de exigir a identificação dos jogadores antes de permitir que entrem no estabelecimento.

Porém, é importante ressaltar que a regulamentação em torno da idade mínima para jogar não se restringe apenas aos cassinos. Ela também é aplicada em outros estabelecimentos que oferecem jogos de azar, como bingos, loterias e salas de jogos.

Conclusão

Em resumo, a idade para jogos de azar em Portugal é de 18 anos. Esta regulamentação é importante para proteger adolescentes e jovens dos riscos associados aos jogos de azar e evitar o acesso a atividades ilegais. Cabe aos estabelecimentos que oferecem jogos de azar, em conjunto com o SRIJ, garantir que essas normas sejam cumpridas, para garantir um ambiente seguro e saudável para todos os jogadores.